Sinteam

Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado do Amazonas

Greve Nacional contra a reforma administrativa é central em Assembleia do SINTEAM Zonal Leste

12/03/2020 14:07
Imprimir email
Na primeira assembleia zonal consultiva realizada pelo SINTEAM, na tarde de hoje (11), foi sugerido priorizar a mobilização da categoria para o dia 18 de março, data em que vai acontecer a greve nacional da educação contra a reforma administrativa do Governo Bolsonaro. 

A paralisação será de apenas um dia em todo o País e é liderada pelos movimentos estudantil, social e pelas Centrais Sindicais, incluindo a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), à qual o SINTEAM é filiado. 

Além de ser contra a reforma, os trabalhadores da educação também vão defender o FUNDEB permanente no dia 18. 

Sobre a campanha salarial da SEDUC e SEMED, a presidente do sindicato, Ana Cristina Rodrigues, informou que a Lei Delegada que congelou os salários até 2021 precisa ser ‘derrubada’ “ou é ilusão falar em reajuste salarial”, afirmou.

Na SEMED, a presidente disse que a categoria precisa se unir e mostrar força até o início de abril, por causa da lei eleitoral. “Após o dia 6 de abril, o prefeito só pode conceder a reposição da inflação por se tratar de ano eleitoral”, disse.

A próxima assembleia zonal será realizada no dia 18, às 10h, no Centro Paroquial da Igreja de Aparecida, e vai reunir trabalhadores das zonas sul, centro e centro-sul.


Pesquisa pelo site

Pesquisar

Newsletter

Cadastre-se e receba novidades no seu e-mail!

Cadastre seu e-mail